.mais sobre o GFACR

.pesquisar

 

.Setembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Batata Quente - Bernardo ...

. Corridas Com Cheiro a Sam...

. Batata Quente - Alberto C...

. Batata Quente -César Nova...

. Batata Quente - Bernardo ...

. Batata Quente - Luís Palh...

. Batata Quente - Tiago Rib...

. Batata Quente - Francisco...

. Batata Quente - Francisco...

. Batata Quente - Guilherme...

.arquivos

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Maio 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Novembro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds

Terça-feira, 23 de Junho de 2009

Batata Quente - Francisco Kreye

 

“Assim, queria despedir-me agradecendo ao Guilherme esta oportunidade, devo confessar, há muito esperada.” – Disse o meu grande amigo Ticão…
Esperada… Não posso dizer o mesmo, pois olhava para a “Batata Quente” pensando ''espero um dia escrever e partilhar a minha história no mesmo local onde homens com valores tão raros o fazem!”
Por isso, antes de explanar sobre o que quer que seja, queria agradecer esta oportunidade.
 
Já era longa a vontade de um dia pertencer a um grupo que olhava com grande admiração, ver aqueles oito amigos cheios de valentia e coragem pegarem um toiro, saberem que o amigo vai “levar” e irem lá na mesma, era esta a minha visão e provavelmente motivo principal da minha ida a um simples treino.
  
Achava-me eu um conhecedor do que é um real espírito de grupo, de convívio entre amigos e camaradagem,(não tivesse eu habituado por vias de desportos que pratiquei, nomeadamente o futebol e a esta partilha de emoções ....) mas estava longe de imaginar o que o futuro me reservava até chegar ao Grupo. Tem sido de tal forma enriquecedor para mim como pessoa, que penso que ainda não tenho a verdadeira noção do que estou a aprender, é como me estarem a transmitir valores que CONSIDERAVA utópicos, como tive oportunidade de dizer no meu 1º discurso, “sinto-me lisonjeado por pertencer a um grupo como vocês”, o que até me fez ficar contente comigo próprio, pois ficamos sempre com a ligeira sensação que não conseguimos transmitir aquilo que sentimos, felizmente não foi o caso.
 
Toma conta de mim uma ansiedade de aprender mais e mais, uma sede enorme de absorver os ideais que me são transmitidos, o desejo de daqui a uns anos olhar para este meu “testemunho” e poder afirmar que foi o início de uma grande pagina da minha vida, sentir a jaqueta nos ombros, o nervoso na trincheira, a palmada nas costas dos meus amigos, nos bons e nos maus momentos, o prazer de dar uma mísera parte de mim á infinidade do que o Grupo me dá, são os meus mais sinceros desejos…
 
Se conseguisse transmitir tudo o que tenho aprendido e o verdadeiro significado do que tem sido esta aventura para mim, não o conseguirei fazer desta maneira, escrevendo neste nosso PEQUENO grande espaço, pois como referi anteriormente, ainda me encontro num processo de assimilação, ou insuficientemente lúcido para chegar às palavras certas…
 
Assim, resta-me dizer que estou aqui para o que der e vier, não fosse isso o que tenho aprendido…
 
Seguindo a tradição passo a batata ao mais recente piloto do grupo e sempre referência para os mais novos, Tiago Ribeiro, claramente enriquecedor aqui para a “batatada”.
 
Pelo Grupo de Forcados Amadores das Caldas da Rainha
 
VENHA VINHO
VENHA VINHO
VENHA VINHO
 
Abraço e obrigado,
 
Francisco Kreye
publicado por osmaioresdisparates às 22:23

link do post | comentar | favorito
|
4 comentários:
De osmaioresdisparates a 23 de Junho de 2009 às 22:27
Grande Kreye,
Agora é continuar a pôr actos onde agora estão palavras…
Grande abraço
Miranda
De Tiago Ribeiro a 24 de Junho de 2009 às 04:31
Muito Bem Francisco ...agora e como o Miranda disse, é passar das palavras aos actos!
e Obrigado
GRande Abraço
De Nuno Vinhais a 24 de Junho de 2009 às 09:30
Francisco, ainda bem que num curto espaço de tempo já te identificas perfeitamente com os nossos valores e espirito. Se tens esses sentimentos todos agora, imagina daqui a 2...4....10 anos!
Não há palavras... Continua a trabalhar.
Grande abraço
De Guilherme Carvalho Neto a 26 de Junho de 2009 às 18:33
Muito bem Francisco!!!mesmo!! Mas iras sentir mais sentimentos emoçoes com o passar dos anos e quando terminares esta longa caminhada iras ter um saco enorme de momentos que nunca te vais esquecer... um grande abraço!!!

Comentar post