.mais sobre o GFACR

.pesquisar

 

.Setembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Batata Quente - Bernardo ...

. Corridas Com Cheiro a Sam...

. Batata Quente - Alberto C...

. Batata Quente -César Nova...

. Batata Quente - Bernardo ...

. Batata Quente - Luís Palh...

. Batata Quente - Tiago Rib...

. Batata Quente - Francisco...

. Batata Quente - Francisco...

. Batata Quente - Guilherme...

.arquivos

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Maio 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Novembro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds

Terça-feira, 22 de Janeiro de 2008

Batata Quente - José Souza Dias

Antes de mais, queria agradecer a oportunidade que o Nuno Morgado me deu, ao deixar-me escrever umas palavrinhas, no blog deste grande grupo de amigos.
 
Apesar das grandes e óptimas experiências que tenho passado com grupo, não irei fazer um discurso extenso, devido ao facto, que apenas entrei para o grupo no ano que passou, e isso faz com que não tenha a experiência necessária, nem as vivências, para poder falar sobre os valores morais do GFACR. Certamente também, não foi com essa intenção que me foi passada esta batata, mas talvez pelo o interesse dos membros com maior antiguidade no grupo, de quererem conhecer o que vai no espírito, desta nova geração que agora começa a treinar e a fardar-se.
 
Como o gosto pela festa brava e a cultura de ir aos toiros me tem acompanhado ao longo da vida, quando surgiu o convite dum grande amigo (Duarte Palha), para ir a mais uma ferra desde logo aceitei, e aí tive o primeiro contacto pessoal com o grupo, ao qual fiquei muito agradado e motivado para continuar nos treinos e de um dia poder fardar-me. Claro que com o decorrer da época de treinos e corridas, percebi que afinal, a nossa função enquanto forcados do Grupo das Caldas, não era apenas treinar para nos podermos fardar e pegar os toiros, mas que, não esquecendo esta parte, o principal objectivo de todos os membros do Grupo, consiste na partilha de valores, na amizade e no divertimento, e por isto, é que todos fazemos esforços para poder estar sempre presentes.
 
Na opinião geral das pessoas, os forcados são considerados imensas vezes, como loucos e inconscientes, devido a enfrentarem animais bravos de grande porte, utilizando apenas os seus corpos sem por isso, ganharem algum privilégio ou prémio monetário, a meu ver, esta é a parte mais saudável da arte de pegar toiros, visto que, apenas é forcado quem quer, gosta e tem coração, e assim registo mais uma razão para querer formar uma carreira enquanto forcado das Caldas.
 
Pelo gosto que tenho em conversar e aprender, ao longo da época passada, fui conversando com membros mais velhos, como é “nosso” dever enquanto mais novos, e em algumas conversas, ouvi que a época não estava a correr bem, que devíamos ter mais eficácia e que as corridas eram poucas. Por certo, não foi a época em que as estatísticas foram melhores para o grupo das caldas, nem a que tivemos a melhor posição no escalafón, devido ás várias corridas canceladas mas, no meu entender a época foi óptima, devido a tudo que referi anteriormente, e ao facto de ninguém ter tido lesões maiores.
 
Por fim, como a nova época se aproxima, resta-me apenas desejar sorte a todos, que cumpram os vossos objectivos, que os toiros marrem e que ninguém se aleije.
 
A Batata fica na responsabilidade de um amigo, que eu espero, encontrar muitas vezes dentro de praça, sempre com a vontade que tem hoje para os toiros e para a amizade.
 
Agarra-te Mário e diz-nos tudo……….
 
Abraços a todos
                José Souza Dias
publicado por osmaioresdisparates às 20:58

link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres